Sinta-se bem e viva mais: Telômeros e stress

O controle do stress diário é a chave para uma vida mais feliz e saudável.

Pergunte-se todos os dias: Como posso me fazer feliz hoje?

Pequenas coisas como perceber a cama macia, a água morna do chuveiro e saborear aquele seu prato favorito bem devagarinho são coisas que muitas pessoas deixam passar batido. Mas estas são coisas que podem melhorar e muito a sua qualidade de vida, assim como a maneira como percebes a vida. Uma vida mais feliz significa uma vida com menos stress!

 Pessoas com baixos níveis de stress parecem mais jovens do aparentam e vivem uma vida mais longa e saudável! Em um estudo com 913 pares de gêmeos, pesquisadores dinamarqueses descobriram que os gêmeos que pareciam mais jovens do que realmente eram tinham melhor saúde e expectativa de vida mais longa do que seus irmãos que aparentavam ser mais velhos.

Qual a razão para esta diferença?

As pessoas que parecia mais jovem tinham telômeros mais longos!

Em poucas palavras, quanto mais curtos os seus telômeros (proteção presente nas extremidades dos cromossomos), mais rápido ocorre o envelheimento!  As células com telômeros mais curtos começam a envelhecer e ficam mais vagarosas, e o eventual dano dos  telômeros faz as pessoas envelhecerem mais rapidamente, tornando-os mais vulneráveis a doenças relacionadas com a idade.

 O que encurta os telômeros é principalmente o stress, cigarro, bebidas alcólicas, alimentos refinados e processados, poluicão e vida sedentária.

Felizmente, existem muitas maneiras de manter o comprimento dos seus telômeros.
Uma delas é ativando a telomerase, que é uma enzima encontrada em todas as células e está envolvida na regeneração dos telômeros.

Um estudo recente da Universidade da Califórnia analisou pessoas em um retiro espiritual e descobriram que após três meses fazendo meditação, estas pessoas tiveram um aumento de 33% na atividade da telomerase dos glóbulos brancos em comparação pessoas que não  meditaram. Isso aconteceu devido ao bem estar e relaxamento proporcionado pelas sessões de meditacão.

Outra maneira de aumentar a atividade da telomerase é ingerindo ômega-3. Um estudo publicado no Journal of American Medical Association acompanhou cerca de 600 pessoas ao longo de cinco anos, descobrindo que a suplementação diária de ômega-3 aumentou significativamente a atividade da telomerase.

As melhores fontes para a suplementação com ômega-3 são linhaça (moída para melhor absorção), o óleo de linhaça, soja, nozes, feijões, e folhas escuras. O óleo de peixe também é rico em ômega-3 mas também vem contaminado com poluentes orgânicos e metais pesados, por isso devem ser evitados. O ideal é ingerir em torno de 3 gramas de ômega-3 todos os dias, o que está presente em apenas uma colher de sopa de linhaça moída na hora!

O hábito de comer bastante vegetais crus e frescos, frutas e cereis integrais, assim como exercícios leves diários (como caminhadas) também mantém a telomerase ativa. Outro complemento para aboa saúde e manutencão da juventude é suplementar com um bom multivitamínico.

As vitaminas B12, C, E e D também aumentam a vida útil das células, evitando o encurtamento dos telômeros. Estas vitaminas são antioxidantes poderosos!

 Aqui está uma lista de boas fontes destas vitaminas:

Vitamina B12:• Ovos • Laticínios • Leite de soja fortificado • Suplemento com viaminas do complexo B

OBS: As principais fontes de vitamina B12 são alimentos de origem animal. Mas pessoas não vegetarianas ou vegans, podem ter deficiência desta vitamina (e outras do complexo B) devido a má absorcão. Vitaminas do complexo B são melhor absorvidas se ingeridas juntas, por isso não compre suplementos contendo apenas vit. B12 e sim contendo todod o complexo B.

 Vitamina C: • Acerola • Açaí • Abacaxi • Brócolis • Kiwi • Morango • Laranja • Grapefruit • Mango   • Pápricas • Framboesas • Vegerais verdes escuros e frutas cítricas em geral

Vitamina E: • Abacate • Nozes • Espinafre • Brócolis • Amêndoas • Amendoim

Vitamina D: Para obter vitamina D tome sol por 15 minutos por da dia. Em caso de países onde o inverno é rigoroso a suplementacão é necessária.

Referências:

1. Jacobs, Tonya L. , Epel, Elissa S., Lin, Jue, Blackburn, Elizabeth H., et al, “Intensive meditation training, immune cell telomerase activity, and psychological mediators,” Psychoneuroendocrinology 2010

2. Xu, et al. “Multivitamin use and telomere length in women,” Am. J. Clin. Nutr. (March 11, 2009)

3. Richards, J Brent, et al, “Higher serum vitamin D concentrations are associated with longer leukocyte telomere length in women,” Journal of Clinical Nutrition Nov. 2007; Vol. 86, No. 5, 1420-1425

4. Patrick Holford. New Optimun Nutrition Bible. Ed Piatkus, 2005.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: